Além do crescimento na área de construção e engenharia civil, os ramos de arquitetura e decoração de ambientes têm crescido bastante, e prometem um cenário ainda mais otimista para os próximos anos e meses. Hoje o profissional da área, o famoso design de interiores, já sai da faculdade com escritórios e empresas atrás dele precisando de alguém capacitado.

Uma das principais vantagens desse segmento é que ele atende tanto à demanda de corporações, escritórios e conjuntos comerciais, quanto às demandas residenciais e domiciliares.

Nos últimos anos, aliás, tem registrado crescimento a busca, da parte de pessoas físicas e clientes finais, por decoração de interiores.

Os conceitos e as tendências do momento

Tal aquecimento remete a alguns conceitos. Um deles é a customização, especialmente representada no caso dos moveis sob medida, também conhecidos como móveis planejados, que são aqueles que partem das medidas do espaço físico, dos gostos mais específicos do cliente e em cima disso elaboram soluções as mais personalizadas.

Outro exemplo emblemático é o da tendência retrô, como no caso do piso, do móvel ou mesmo da escada de madeira. Aqui se fala não apenas a respeito da madeira condensada ou das soluções como MDF, HDF e entre outras, que são peças feitas à base de películas sintéticas, mas na madeira bruta tal como se fazia antigamente.

Nesse último caso, claro, sem desconsiderar a sustentabilidade ecológica e o meio ambiente, razão por que hoje a madeira virgem e maciça é oriunda sobretudo de demolições e afins.

Aliás, o aquecimento desse setor demonstra outra tendência típica: a preocupação pela natureza e por soluções que não impliquem em impactos negativos para o nosso meio ambiente.

Outra frente que se popularizou bastante é a das molduras e a da sanca de gesso em geral. Trata-se de uma solução bastante disseminada no país inteiro, que opera como um rebaixamento do teto com o intuito de trabalhar iluminação em led e efeitos semelhantes, os quais geram uma impressão bastante diferenciada e enriquecedora para o espaço.

Adiante será explorado mais detalhadamente o crescimento do universo dos móveis planejados e modulados.

Entenda o universo dos móveis planejados

De todas as tendências mais marcantes do setor de decoração de interiores, a mais determinante sem dúvida é a do mobiliário que será escolhido para o espaço físico a ser trabalhado.

O papel da empresa de móveis planejados, como veremos, vai muito além de simplesmente montar uma fábrica e um ponto de venda.

Atualmente, a maioria dos clientes busca um pacote de soluções completas, e não apenas um ou outro móvel que poderia ser comprado em qualquer outro lugar sem muito esforço.

Há vários motivos para essa mudança de costumes e esse crescimento, uma das principais é a questão estética, sem dúvida, porém também tem a ver com o problema da falta de espaço.

Além do gosto dos clientes estar cada vez mais refinado, também é verdade que as casas e escritórios em regiões metropolitanas contam cada vez menos com disposição de grandes espaços e áreas. O exemplo mais tradicional nesse caso é o dos móveis planejados para cozinha de apartamento.

Não apenas o apartamento é provavelmente o tipo de residência que cada vez mais diminui seu espaço útil, como a cozinha tende a ser um dos menores cômodos da casa.

Aí é que surge o papel da cozinha totalmente planejada, que costuma incluir as seguintes peças, todas elas passíveis de serem customizadas conforme as demandas do espaço e o gosto do cliente:

  • Os paneleiros;
  • Os armários;
  • Os balcões;
  • Os gabinetes;
  • As mesas/cadeiras;
  • Os bancos;
  • As banquetas;
  • As fruteiras.

E os móveis modulados, qual o seu papel?

Um ponto que não pode ficar de fora desse assunto de decoração é o da importância dos móveis modulados, que são aqueles que saem de fábrica com medidas finais e não customizáveis.

Ao contrário do que se imagina, a venda deles permanece bastante aquecida no mercado, e há várias razões para isso.

Primeiro que a solução é mesmo muito boa. Um exemplo clássico é o dos móveis modulados para banheiro. Através desse cômodo é possível notar que algumas funções arquitetônicas e decorativas são universais e terão sempre a mesma base, seja de medidas e dimensões propriamente ditas, seja de funcionalidade.

Em casos assim, o móvel pronto facilita na hora de mobiliar o local e torná-lo funcional o mais rápido possível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *