A decoração de uma residência pode abranger diversos aspectos que vão além da escolha dos móveis, de que materiais eles serão feitos (granito, mármore, inox, por exemplo) da escolha da tintura e, até mesmo, dos acessórios.

Decorar também é determinar o tipo de lavatório e bancadas que podem estar presente nas residências. Por isso, este artigo vai trazer algumas dicas sobre o uso de mármore e granito, assim como do aço inox e outros materiais. Não deixe de conferir!

Granito x mármore: qual escolher?

Em uma residência é fundamental apostar em produtos com boa qualidade técnica e que apresentem não somente beleza e sofisticação, mas também qualidade.

O granito é uma rocha magmática que é formada por vários minerais. É essa composição de diferentes minerais que determina os tipos de granito.

Os tipos de granito vão variar a depender das suas cores e propriedades. Basicamente, o granito é composto por quartzo, feldspato e mica , três tipos de minérios. Dentre suas características, podemos citar os elevados graus de dureza e usabilidade.

Já o mármore possui um ar de sofisticação grande, mas o granito, por apresentar menor porosidade, pode ser considerado mais resistente.

Além disso, o granito é menos vulnerável diante de agentes químicos e de manchas, por isso, seu uso é mais indicado para pisos e até mesmo para bancadas da cozinha ou do banheiro.

Além disso, o uso do granito no aspecto decorativo pode ser bem diverso, podendo estar presente também em:

  • Varandas;
  • Escadas;
  • Paredes;
  • Banheiros, etc.

Ou seja, existem poucas restrições diante do seu uso. Outro destaque também, além da sua durabilidade, é a facilidade em sua limpeza e a usabilidade diante de um local com grande circulação de pessoas.

O granito também consegue suportar elevadas temperaturas, por causa da sua formação como rocha, podendo também ser exposto à água. Por fim, uma vantagem bastante interessante, diante de sua elegância, é também seu excelente custo-benefício.

E o mármore também apresenta vantagens em seu uso, sendo que é muito comum verificar o Lavatório de mármore, com muita sofisticação e qualidade em sua colocação.

Vale ressaltar a importância de buscar objetos que possuam essa qualidade técnica e que sejam instalados por profissionais que apresentam capacitação suficiente.

Elementos metálicos: vantagens e usabilidade

Além de peças de minérios, outro elemento bastante interessante é o uso dos metais. Os metais, desde sua descoberta, estão presentes no dia a dia das pessoas, em várias peças como em automóveis e eletrodomésticos.

O mais interessante é que os metais também podem ser utilizados como um móvel e elemento decorativo. Um exemplo é utilizar uma Bancada de inox em sua cozinha.

O inox é composto por aço (que é uma liga metálica formada por ferro e minérios). Ou seja, esse tipo de material oferece diversas características positivas ao cliente, por exemplo, resistência, durabilidade, fácil instalação e limpeza. Além disso, o inox não absorve cheiros.

Além disso, é possível utilizar os metais também na composição de toda a parte estrutural e, ainda, na fixação de portas e janelas. É daí que surge a esquadria, um material que é colocado no local de portas e janelas para facilitar sua fixação.

Geralmente, as esquadrias são de alumínio, um material que vem da rocha bauxita e que não é encontrado na natureza de forma pura.

As esquadrias de aluminio, portanto, são materiais de extrema importância e podem ser utilizadas em locais que desejam ser ainda mais sofisticados e elegantes. O alumínio é um material leve mas que apresenta elevada resistência e durabilidade, sendo excelente para o cliente.

Já que esse é um bom material e que apresenta qualidade, vale a pena buscar por Fábrica de esquadrias de alumínio que produzam o material de forma assertiva, com equipe qualificada e por um bom custo-benefício ao cliente.

Ainda nesse aspecto sobre o uso e importância dos metais, vale a pena destacar que diversos móveis em sua residência podem ter composição metálica.

Principalmente, quando o assunto é agregar segurança, durabilidade e pouca manutenção. Um exemplo é, na cozinha, utilizar uma coifa de ilha.

Esse tipo de equipamento é utilizado para retirar o cheiro de fumaça em excesso que fica na cozinha após o cozimento dos alimentos. Com isso, a coifa é utilizada tanto para sugar aquele odor como também renovar o ar que está presente na cozinha.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *