revitalização

Os centros urbanos estão se expandindo diariamente, nas mais diferentes regiões por todo o território nacional. Projetos públicos de revitalização e programas sociais visam oferecer melhorias para a população, somando às propostas a oferta de equipamentos essenciais como escolas e hospitais.

Essa expansão ocorre em áreas conurbadas, onde dois municípios dividem não só os limites, mas os problemas de diferentes formas, criando ônus por todos os lados.

A revitalização urbana tende a acabar com isso, disponibilizando projetos públicos e melhorias que combatem as invasões e moradias sem acesso a água, esgoto e energia elétrica de qualidade. Somado a isso outros serviços, como linha de telefone e internet.

Revitalização urbana exige demolição imobiliária

Para que as mudanças ocorram, é preciso organizar os trabalhos entre todos os envolvidos, somando moradores da região, poder público, organizações não governamentais e entidades de classe, como associações e comerciantes.

Como são espaços ocupados por estruturas imobiliárias sem nenhum projeto adequado, é preciso que seja realizado uma demolição de alvenaria estrutural para começar desde o início de maneira correta.

Demanda esforço e participação de todos, pois é preciso entrar o trabalho de assistentes sociais, advogados de ambas as partes, ministério público, entre outros agentes que atuam nessa área de revitalização urbana.

Os projetos devem envolver diferentes setores do poder público, para integrar plantas de imóveis para construção de conjuntos habitacionais adequados para uma convivência justa e confortável.

A instalação de equipamentos públicos deve ir além das escolas e hospitais, oferecendo praças e parques, bibliotecas, entre outros elementos que permitem a participação da sociedade de forma coletiva.

O trabalho da empresa de demolição SP pode fazer a limpeza e remoção de entulho e demais resíduos da construção civil, assim como a coleta de lixo deve atuar para que os espaços sejam limpos e arejados.

Esse tipo de transformação renova as áreas urbanas e emprega um novo sentido para a convivência entre os moradores. A valorização do local é uma consequência de todo o trabalho desenvolvido.

Instalações elétricas seguras e modernas

As tendências da construção civil seguem exemplos que já existem, transformando algo que foi usado com maestria em novos ambientes e cenários.

As escolas de arquitetura evoluem conforme observam estruturas imobiliárias anteriores, se aproveitando do que funcionou de maneira plena em uma roupagem moderna.

Empregar exemplos que funcionam em outros ambientes deve apenas ser ajustados à realidade que se destina.

Por isso, a montagem eletrica industrial é tão copiada em estruturas comerciais e até mesmo em empreendimentos imobiliários residenciais, como condomínios de casas e apartamentos.

A mudança provocada pelo desenvolvimento urbano permitiu construções em larga escala, permitindo o emprego de elementos estruturais que eram dedicados a espaços amplos, como os galpões industriais, e serem replicados em ambientes residenciais, como áreas de lazer e até mesmo em garagens de prédios formados por apartamentos.

Fora a demolição de estruturas imobiliárias que não apresentam custo-benefício vantajoso, muitos edifícios são revitalizados recebendo uma adaptação a partir do retrofit iluminação, corrigindo os problemas e substituindo os fios e cabos desgastados com o tempo.

A fim de reforçar a segurança patrimonial, as estruturas recebem esse modelo de manutenção, diminuindo os gastos de energia, levando em consideração os novos equipamentos que precisam de disposição de energia elétrica adequada.

Essa modernização ocorre a partir de um projeto único e exclusivo para o espaço onde será aplicado, observando alguns pontos, sendo eles:

  • Detalhamento da instalação elétrica;
  • Desenvolvimento do projeto ideal;
  • Propostas de manutenção periódica;
  • Alcance dos resultados.

Esse modelo de alteração da estrutura de instalação elétrica visa a diminuição com o custo de energia e a adequação às normas de segurança exigidas por órgãos públicos, como o CONTRU (Departamento de Controle do Uso de Imóveis) e do corpo de bombeiros, para a emissão do AVCB (Auto de Verificação do Corpo de Bombeiros).

Acabamento harmoniza decoração e segurança

Os conjuntos habitacionais ganham um novo aspecto quando estão devidamente iluminados e com uma instalação elétrica apropriada para a realidade de um bairro residencial.

Cabe aos moradores fazer o acabamento interno, utilizando até mesmo cimento queimado colorido para piso para empregar uma personalização dentro da residência, diferenciando dos demais moradores.

Esse tipo de material tem um baixo custo e a mão de obra está ao alcance, bastando contratar um pedreiro com conhecimento técnico adequado para esse tipo de trabalho.

Os conjuntos habitacionais em formato de apartamento precisam contar com um projeto de segurança complementar. A instalação de acessórios de equipamentos de combate a incêndio, como hidrantes e a recarga extintor deve ser feita desde o princípio.

Dessa forma, o desenvolvimento urbano pode ser planejado de forma inteligente, envolvendo dos os agentes em busca de um objetivo comum, que é a moradia justa e acessível.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *